Para o babaca que vive em você.

Para o babaca que vive em você.

Posted by on Feb 27, 2012 in Blog, texto, vida | No Comments

Parabéns, esse post é para você. Na verdade, para o babaca que vive em você. Atrás do seu coração, entre um pulmão e um monte de preocupações, mora um babaca. Às vezes o coração perde o compasso e o babaca acorda, manifestando-se em atitudes notavelmente idiotas. Babaquices, como são denominadas, podem causar conflitos na convivência ...

Isso não é amor.

Isso não é amor.

Posted by on Feb 26, 2012 in Blog, dica da gica, texto | No Comments

Pensa bem, tá? Pensa agora porque quando você estiver com o telefone na mão, discando e apagando e discando e apagando e discando o número dela e chorando porque tem medo, vontade, vergonha, sei lá, você acaba não pensando. E eu vou te dizer que isso não passa. Quando você vai ver, foi só o ...

Eu tive um sonho.

Eu tive um sonho.

Posted by on Jan 31, 2012 in Blog, texto | No Comments

E a gente estava voando. Não voando feito Superman que é o que a gente faz quando sonha. A gente estava voando de avião, mesmo. A gente o Fábio, meus pais, algumas pessoas da agência, amigos e eu. Todo mundo estava feliz porque parecia que aquele era o voo de volta de uma viagem superlegal. ...

Sobre mangas maduras.

Sobre mangas maduras.

Posted by on Dec 21, 2011 in Blog, eu que fiz, texto | No Comments

Ele fez questão de dizer que manga era sua fruta favorita desde sempre, quando aos 14 anos resolveu preferir o abacaxi, mas voltou a anterior ao descobrir que se falava “mango” em inglês e que “mango” tinha muito mais personalidade que “pineapple”, que mais parecia uma espécie de maçã. Eu disse que o cheiro me ...

Geórgia.

Posted by on Nov 21, 2011 in Blog, eu que fiz, texto | No Comments

Romântico era dedicar uma música na rádio e fumar um cigarro com meio sorriso abrindo uma pequena fissura no rosto com uma boca, dois narizes, um olho e pouca ou quase nenhuma orelha. O relógio observava a cena sem muito a acrescentar, portanto, não mudou nada na vida e obra da menina ali, aquela do ...

Lá.

Posted by on Nov 8, 2011 in Blog, eu que fiz, texto, vida | No Comments

Me disseram que existe um lugar que fica aberto 24 horas por dia. Para ir lá não precisa mudar de roupa, nem de sapato. Aliás, ouvi dizer que tudo bem você chegar descalço. Esse lugar é lindo e todo de uma mesma cor: os olhos relaxam a ponto de descarregar algumas lágrimas eventualmente acumuladas. Me ...

Roberta

Posted by on Oct 10, 2011 in Blog, eu que fiz, texto | No Comments

Fazia tem que não ouvia o barulho dos cavalos. Parou de respirar para dedicar a atenção ao tremor do chão e ao som que, de uma vez, preencheu todo o espaço. E havia espaço, muito espaço, não porque o lugar fosse grande, mas porque não havia muita coisa ali. Pensou que gostaria de ter nascido ...

Cabeça.

Posted by on Oct 1, 2011 in Blog, eu que fiz, texto | No Comments

A cabeça é a nave-mãe do corpo. Dentro dela fica o cérebro. O cérebro é uma noz rosada e gordurosa. Dentro dele ficam as tabuadas, os professores do primário, as músicas ruins, os rancores, os planos de vingança e as receitas da família. É o único órgão que tem neurônios. Neurônios são estrelas cadentes que ...

Quando faltar poesia, quebre o vidro.

Posted by on Sep 25, 2011 in Blog, texto, vida | No Comments

Porque às vezes essas coisas acontecem. Isso de uma criança morrer depois de meses lutando contra uma doença. Isso de um cachorro fugir e nunca mais voltar, de o amor sair e voar para longe e nunca-mais-ligar-e-nunca-nunca-nunca, de você perder os ingredientes da sua vida, uma tia ou a avó na hora errada. Então dizem ...

Eu vou.

Posted by on Aug 22, 2011 in Blog, eu que fiz, texto | No Comments

Quando não houver mais espaço entre a tua boca e o silêncio. É aí que eu vou embora.